Antimicrobianos – O uso indiscriminado, automedicação e tratamento incompleto contribuem para o surgimento de microrganismos resistentes, tornando infecções mais difíceis de tratar

Antimicrobianos – Os antimicrobianos desempenham um papel crucial na saúde pública, sendo prescritos tanto para pessoas quanto para animais. No entanto, o uso indiscriminado, automedicação e tratamento incompleto contribuem para o surgimento de microrganismos resistentes, tornando infecções mais difíceis de tratar.

Por isso, é fundamental seguir as normas sanitárias relacionadas ao uso e à dispensação desses medicamentos. Desde 2010, a Anvisa controla a venda de antimicrobianos em farmácias, com regras específicas para sua prescrição e utilização.

As receitas de antimicrobianos têm validade em todo o país por até 10 dias a partir da data de emissão. O farmacêutico deve entregar a quantidade exata indicada na receita, podendo fracionar a apresentação quando possível.

A devolução de antimicrobianos não é permitida, salvo se houver problemas de qualidade que tornem o medicamento impróprio para uso. As sobras devem ser descartadas corretamente em locais apropriados.

Participe conosco no combate a essa ameaça global à saúde humana e animal! Juntos, podemos fazer a diferença.

×
%d