Em atenção à publicação veiculada pelo ICTQ – Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação em seu website e compartilhada em sua pagina no Facebook de título “Crise nos Conselhos de Farmácia”, esclarece que:
(i) em nenhum momento o ICTQ entrou em contato com qualquer membro da Diretoria do CRF/CE para solicitar maiores informações sobre dos assuntos tratados na matéria;
(ii) a foto publicada pelo ICTQ foi registrada em 27/03/2018 passado por ocasião em que a diretoria compareceu na sede da Procuradoria da República em Itapipoca (Ce) para apresentar denuncia contra farmácias clandestinas
(iii) respeita a decisão pessoal do Dr. Egberto Feitosa, quanto à licença do cargo de vice-presidente o que, outrossim, não implica em concordância com as razões apresentadas;
(iv) está aberto ao diálogo com os colaboradores do CRF/CE, zelando sempre pela harmonia no ambiental legal, pelo atendimento ao Interesse Público, pelo atendimento aos interesses legítimos da Categoria Farmacêutica, e ainda em atenção aos Princípios de Legalidade, de Probidade, de Moralidade, dentre outros ;
(v) todos os Assessores nomeados pela Presidência do CRF/CE obedeceram aos critérios regimentais inclusive com conhecimento pelo Plenário do CRF/CE, sendo certo que todos possuem reconhecida capacidade técnica e experiência necessária a ocupar tais cargos, destacando ainda que cumprem a jornada pactuada em contrato de trabalho;
(vi) não pactua com quaisquer atos que se manifestem ilegais, excessivos e/u arbitrários, destacando que qualquer interessado poderá apresentar Representação fundamentada à Presidência do CRF/CE para que se avalie eventual infração ética;
(vii) quanto à ação ajuizada pelo Sr. Elson Braga Ferreira, informa-se que esta prossegue na espera judicial, oportunidade em que destacamos que, apesar de se tratar de processo público (não sujeito à sigilo), entende não ser este o meio adequado para discorrer sobre o mesmo.

Presidência do CRF- CE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here