O Conselho Federal de Farmácia firmou parceria com a TV Globo para levar os cuidados farmacêuticos à população atendida durante a caravana do projeto Bem Estar Global, do programa Bem Estar. Serão 8 edições esse ano e a participação na primeira está confirmada. Será na sexta-feira, dia 9, das 8 às 13 horas, na Arena da Boca do Rio, em Salvador (BA). O Conselho Regional de Farmácia da Bahia (CRF-BA) e a Sociedade Brasileira de Análises Clínicas (SBAC) e sua regional também apoiam a iniciativa. “Trata-se de uma parceria inédita, que irá contribuir enormemente para dar visibilidade ao trabalho do farmacêutico no cuidado à saúde”, comenta o presidente do Conselho Federal de Farmácia, Walter da Silva Jorge João.

O foco da participação dos farmacêuticos será contribuir para o uso correto, seguro e racional de medicamentos, visando à prevenção danos à saúde. Pesquisa recente realizada na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) comprova que estes danos, além de graves, custam muito caro para a saúde pública. Segundo estimativa feita a partir dos dados coletados no levantamento, a morbidade relacionada à medicamento (MRM) geraria um custo de R$ 60 bilhões por ano para o Sistema Único de Saúde (SUS). A cada real investido no fornecimento, o governo gastaria cinco reais para tratar morbidades relacionadas a medicamentos.

“Metade dos casos avaliados na pesquisa seriam evitados com uma supervisão mais cuidadosa e efetiva do uso dos medicamentos”, comenta o autor, Gabriel Freitas. O pesquisador diz ter observado que 39,3% do custo total da MRM foram motivados por reações adversas a medicamentos. As consequências da não adesão ao tratamento e o uso de doses incorretas responderam, respectivamente, por 36,9% e 16,9% das despesas.

AÇÃO – Em duas tendas, os farmacêuticos vão atuar no combate à MMR, auxiliando os usuários de medicamentos a obter o máximo benefício possível de seus tratamentos, com o menor risco. “Convidamos a população a comparecer ao local da ação munidos de seus medicamentos, receitas e resultados de exames laboratoriais, caso tenham”, conclama a coordenadora da ação e responsável técnica pela tenda, a farmacêutica e assessora da Presidência do CFF, Josélia Frade. “A intenção é identificar problemas, como uso incorreto e reações adversas, e intervir tecnicamente no sentido de corrigi-los, dentro do âmbito profissional”, explica.

Conforme Josélia Frade, os farmacêuticos também vão organizar os medicamentos utilizados pelos pacientes, visando facilitar seu uso. Pessoas com asma poderão tirar dúvidas sobre a utilização de dispositivos inalatórios, e aquelas com diabetes em uso de insulina, receberão seletores que indicam o local correto para a aplicação do medicamento. Também aprenderão como reciclar embalagens plásticas de parede rígida para descarte de seringa de aplicação de insulina, lancetas e tiras reagentes, evitando o descarte no lixo comum.

Serão realizados medida de pressão arterial, dosagem da glicemia capilar e outros exames, além do teste de pico de fluxo (peak flow) para a avaliação da efetividade, da segurança, da necessidade e da comodidade nos tratamentos. Casos que demandarem cuidados emergenciais, diagnóstico ou acompanhamento contínuo, serão encaminhados aos serviços de saúde.

Práticas integrativas estão na pauta das atividades das tendas dos conselhos de Farmácia e da SBAC. Farmacêuticos especialistas em cada área ministrarão oficinas sobre plantas medicinais e farão atendimento de auriculoterapia, técnica da medicina tradicional chinesa para promover bem-estar e melhorias na qualidade de vida.

DESCARTE CORRETO – Um coletor estará disponível para receber medicamentos vencidos e sobras. Farmacêuticos do Grupo de Trabalho sobre Descarte de Medicamentos do CRF-BA orientarão sobre o descarte correto e distribuirão um folheto com a lista dos pontos de coleta para medicamentos vencidos e em desuso, existentes em Salvador.

Além de Salvador, o programa Bem Estar Global será promovido pela Rede Globo nas cidades de Porto Velho (RO), Goiânia (GO), Belo Horizonte (MG), Campo Grande (MS), Fortaleza (CE), Recife (PE) e Ribeirão Preto (SP). A caravana é realizada há quatro anos e tem oferecido atendimentos de saúde gratuitos para a população por meio da cooperação de entidades convidadas que participam voluntariamente prestando serviços à comunidade.

Saiba mais:http://www.cff.org.br/noticia.php?id=4822

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here