Participe da Pesquisa Heroes: Estudo multicêntrico internacional sobre os impactos da pandemia de COVID-19 na saúde mental dos trabalhadores da saúde

Participe da Pesquisa Heroes: Estudo multicêntrico internacional sobre os impactos da pandemia de COVID-19 na saúde mental dos trabalhadores da saúde

A COVID-19 tornou-se pandêmica no início de 2020, trazendo grandes desafios aos sistemas de saúde e para o cuidado à saúde mental dos trabalhadores dos serviços de saúde.


Com destaque para depressão, ideação suicida e estresse pós-traumático. Este estudo faz parte do HEROES study, que é um estudo multicêntrico internacional, que está sendo realizado em 30 países, para avaliar o adoecimento mental dos profissionais envolvidos no cuidado e manejo da
crise sanitária.

Objetivos:

1) descrever os estressores e fatores protetores que apresentam os
trabalhadores dos serviços de saúde durante a pandemia de COVID-19;

2) estimar o impacto da exposição à COVID-19 na saúde mental dos trabalhadores dos serviços de saúde durante e após
a pandemia (linha de base, 3, 6 e 12 meses);

3) analisar como a COVID-19 modificou a
organização dos serviços de saúde e suas práticas, e como essas mudanças afetaram a saúde mental e outros aspectos psicossociais dos trabalhadores dos dispositivos de saúde;

4) comparar, entre os diversos países participantes, o impacto da exposição à COVID-19 na saúde mental e outros aspectos psicossociais dos trabalhadores dos dispositivos de saúde;

5) compreender as percepções dos profissionais e gestores da saúde sobre as inter-relações entre as políticas implantadas para o enfrentamento da pandemia e aspectos da saúde mental dos profissionais da saúde. Método: Trata-se de um estudo multicêntrico internacional e que no Brasil será
realizado em cinco municípios: São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande e Natal.

O desenho deste estudo é de metodologia mista do tipo convergente. Na dimensão quantitativa, será realizado um estudo de coorte e serão convidados a participar os profissionais de saúde que atuam em
serviços que atendem usuários com suspeita ou com diagnóstico de COVID-19 nos serviços deatenção primária à saúde, CAPS, pronto-socorro, hospitais e unidades de terapia intensiva. Para esses profissionais será enviado o questionário via online, em quatro momentos: linha de base,
3 meses, 6 meses e 12 meses. A amostra proposta é de 1.067 trabalhadores em todo território nacional. Na dimensão qualitativa, a produção de dados será realizada por meio de entrevistas semiestruturadas, que serão gravadas e transcritas. Serão convidados a participar 10 gestores da
saúde (gestores dos serviços de saúde, gestores municipais, gestores da vigilância epidemiológica), e 20 profissionais que atuam na linha de frente da assistência à pandemia por cada município incluído no estudo, seguindo o critério de saturação dos dados. A análise do 4 material transcrito será de acordo com as seguintes etapas: (1) leitura compreensiva das
narrativas, com propósito de impregnação, visão de conjunto e apreensão das particularidades;


(2) identificação das ideias explícitas e implícitas serão identificadas e aprofundados em busca de
sentidos subjacentes; (3) elaboração da síntese, articulando narrativas, objetivos do estudo e base teórico-conceitual.


Palavras-chaves: estudo multicêntrico, depressão, estresse pós-traumático, ansiedade, pessoal
da saúde

Anexos:

Projeto COVID HEROES Brasil

Projeto Heroes_Rev_CONEP

Termo de Anuência

%d blogueiros gostam disto: